Blog

Gerente de posto: conheça as funções e habilidades necessárias para a profissão

O gerente é um dos principais responsáveis pelo bom desempenho de um posto. Além de supervisionar a reposição de produtos, ele faz a gestão da equipe de frentistas e de colaboradores da loja de conveniência. Por isso, o gerente precisa dominar técnicas de administração, saber liderar e conhecer bem os combustíveis.

Para contratar um bom gerente, é preciso se atentar não só às habilidades profissionais dos candidatos, mas também às habilidades pessoais. Isso porque ele vai precisar construir uma relação de confiança com os colaboradores, clientes e com o proprietário do posto.

Confira algumas das principais funções desempenhadas por um gerente e saiba quais são as habilidades que ele precisa ter para garantir o bom funcionamento do estabelecimento.

Braço direito do proprietário

Além de ser um profissional capacitado e treinado, o gerente precisa ser alguém de extrema confiança, pois ele deve atuar como braço direito do proprietário do posto, administrando e cuidando de tudo, inclusive da parte financeira. Por isso, é necessário haver uma comunicação clara e frequente entre eles.

O dono do posto e o gerente devem ter uma boa relação para que juntos consigam definir as estratégias e as metas do estabelecimento. Além disso, um bom gerente sabe a melhor forma de reportar grandes problemas e de apresentar as possíveis soluções ao seu chefe.

Aquisição de produtos de qualidade

É função do gerente garantir o bom funcionamento de todo o pátio de abastecimento, incluindo a manutenção da limpeza e o recebimento de combustível e de demais produtos. É claro que não é ele quem vai desempenhar todas essas atividades, mas ele deve saber distribuir essas funções e supervisionar como elas são desenvolvidas.

Ah, e o gerente é responsável pela qualidade dos produtos comercializados no posto. Por esse motivo, ele precisa saber escolher muito bem o fornecedor de combustíveis com o intuito principal de oferecer aos seus clientes um abastecimento de primeira e com base nas normas da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis). E, em complemento, ele deve garantir que os frentistas estejam preparados para realizar testes de qualidade.

Garantia da segurança patrimonial e dos colaboradores

Infelizmente, é comum ouvirmos notícias sobre postos de gasolina sendo assaltados. Por ser um estabelecimento comercial tão vulnerável à ação de criminosos, o gerente também deve atuar para assegurar a proteção do patrimônio e dos colaboradores. Por essa razão, ele precisa verificar se os sistemas de câmeras e alarmes estão funcionando adequadamente.  

Outro cuidado é com a segurança do trabalho, ou seja, é preciso garantir que a equipe toda esteja sempre usando as roupas e os equipamentos de proteção exigidos para esse tipo de ambiente. Além disso, o gerente precisa estar ciente dos prazos de validade dos extintores e de demais medidas obrigatórias de segurança.

Administração da loja de conveniência

Em postos com loja de conveniência, o gerente também pode ser o responsável pela administração desse espaço. É ele quem se comunica com os fornecedores, garante a reposição dos estoques e se certifica de que as normas da vigilância sanitária estejam sendo seguidas.

O profissional com boas noções de marketing também vai mobilizar a equipe para decorar a loja de conveniência em datas especiais, como natal, páscoa e copa do mundo. Promoções e sorteios são outras ações que podem ser coordenadas pela gerência.

Liderança e gestão de pessoas

Um bom gerente de posto precisa ser um líder. Esta habilidade vai permitir que ele construa uma boa relação com os colaboradores, sempre motivando e unindo toda a equipe. O reflexo de uma boa gestão de pessoas é o desenvolvimento de um ambiente agradável de trabalho e a prestação de um bom atendimento aos clientes.

Vale lembrar ainda que, mesmo em um posto com profissionais de recursos humanos, o gerente precisa estar ciente e coordenar o horário de trabalho de sua equipe. Ele vai ajudar a definir, por exemplo, o quadro de folgas. Além disso, ele deve participar diretamente do processo de recrutamento de novos colaboradores.

Administração das finanças

O gerente pode ainda atuar na parte financeira do posto de combustível, fechando o caixa e efetuando o pagamento de contas e de salários. E não é só isso! Ele também pode definir o valor do combustível vendido nas bombas, levando em consideração, por exemplo, o preço da concorrência e a margem de lucro.

Como você deve imaginar, o fluxo de caixa em um posto é bastante intenso. Por isso, o gerente precisa fazer o controle das entradas e saídas pelo menos uma vez ao dia. De forma geral, ele precisa estar ciente de toda a vida financeira do estabelecimento para apresentar relatórios de lucratividade ao proprietário.

Você tem alguma dúvida sobre a profissão de gerente de postos? Deixe a sua pergunta nos comentários.

 

Busque no blog: