Dicas para evitar roubo e furto do automóvel

Os números de furtos e roubos de veículos aumentam a cada ano. Por isso, alguns cuidados básicos e até sugestões que parecem óbvias ajudam a evitar esse tipo de problema ao motorista. A nossa equipe listou algumas dicas importantes: anote e cuide da sua segurança e do carro.

Local para estacionar

Se você não pode deixar o veículo em um estacionamento e precisa deixá-lo na rua, evite lugares ermos e com iluminação fraca. Prefira ruas iluminadas e até vagas em frente aos prédios com vigias e porteiros.

Objetos no carro

É importante não deixar objetos dentro do carro, os itens podem ser confundidos com coisas de valor e chamar atenção de ladrões, até mesmo uma sacola vazia. Evite deixar à vista suporte de GPS, adaptadores de Ipods, carregadores e outros aparelhos eletrônicos. Essa atitude também deve ser praticada enquanto estiver dirigindo.

Não guarde documentos

Recomenda-se não deixar boletos bancários, cartões e correspondências no interior do automóvel. Esses papéis podem ser utilizados pelos ladrões para acessar sua conta ou até ajudá-los a planejar roubo à sua residência. É praticamente “proibido” deixar carteira de motorista e o registro do carro. Em posse desses documentos, os bandidos conseguem vender ou usar o veículo com facilidade.

Tranque o veículo

Uma dica óbvia: tranque o carro e feche os vidros. Isso vale também em paradas rápidas em posto de combustível, padarias, supermercados etc. Alguns ladrões ficam esperando esses descuidos para roubar ou furtar o veículo. Fique atento!

Não informe flanelinhas e manobristas

Ao deixar o carro em estacionamento ou mesmo na rua, não informe para flanelinhas e manobristas o tempo que vai demorar a voltar ao veículo. Se existe um plano para roubar ou furtar o automóvel, o ladrão pode desistir por ter pouco tempo para agir. Por isso, sempre diga que volta logo.

Cuidado com “falsos mecânicos”

Os ladrões usam a criatividade para praticar roubos e furtos e criam vários tipos de golpes. Um deles é o famoso “falso mecânico” e existem dois tipos de estratégias: na primeira, o bandido faz uma “gambiarra” no automóvel para que o dono não consiga dar a partida. Ele se apresenta como mecânico e acaba roubando o motorista. Outro método é se aproximar do condutor, mencionar que existe algum problema e falar que pode ajudar a consertar o problema mecânico. A pessoa encosta o carro e é roubada. 

Por isso, fique atento e não aceite assistência técnica de estranhos. Se tiver problemas, procure uma oficina especializada. Se não puder fazer isso, estacione em um posto de combustível ou em uma base da polícia e solicite a ajuda.

Use equipamentos de segurança

Alguns gastos são necessários e importantes na hora de proteger o veículo. No mercado, existem equipamentos modernos de segurança como bloqueadores, rastreadores e localizadores.

A equipe do Blog da Ruff já fez uma matéria sobre o assunto. Clique aqui e reveja o post. Cuide da sua segurança! 

2013-07-10T10:24:00-03:0010 de julho de 2013|Dicas e Cuidados|
Open chat
Precisa de ajuda?